Blog da Loja Integrada

12 mudanças na rotina para revolucionar sua conversão de vendas em loja virtual

conversão de vendas

A maioria dos e-commerces concentram seus esforços na aquisição de novos visitantes para aumentar suas vendas. No entanto, é muito mais barato e eficiente focar as energias na melhoria da taxa de conversão entre os clientes já existentes.

De nada adianta uma página ter muitas visitas de usuários se eles não se transformam em clientes. O grande segredo é, na verdade, conhecer o que o seu consumidor deseja e criar mecanismos para que ele possa obter isso facilmente.

Segundo dados da ABComm (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico), a expectativa de crescimento do e-commerce para este ano é de 8% com relação a 2015. Com este crescimento, os consumidores dispõem, hoje, de mais ofertas de produtos e estão cada vez mais exigentes e detalhistas antes da decisão de compra. Quem quer manter suas metas e ainda conquistar mais clientes precisa pensar em ações para garantir uma melhor experiência do usuário.

A conversão de vendas é resultado de inúmeros fatores como o layout, o preço, os produtos, o marketing, as condições de pagamento, entre outros.

A atenção a cada detalhe do processo de venda online pode fazer uma grande diferença. E para fazer um diagnóstico de sua eficiência operacional e saber como aumentar suas vendas, nada mais importante que atentar para sua taxa de conversão.

conversão de vendas

 

A taxa de conversão de vendas indica qual porcentagem dos seus visitantes efetivamente comprou um produto do seu site em um determinado período de tempo. Assim, é possível mensurar claramente quantas visitas são necessárias para que uma compra seja efetivada.

Para exemplificar, vamos supor que a sua loja virtual teve no espaço de tempo do último mês 10.248 visitas e fechou 142 vendas. Ao aplicarmos a fórmula da taxa de conversão, teremos:

TC = (142 ÷ 10.2480) x 100
TC = 0,01385 x 100
TC = 1,38%

No exemplo, o valor de 1,38% representa a taxa de conversão do seu e-commerce. Porém, essa taxa ainda está abaixo da média verificada no Brasil, que é de que é 1,65%, segundo a consultoria Experian Hitwise. Portanto, a conversão média citada ainda pode aumentar bastante, principalmente se levarmos em conta a média de conversões dos EUA, que é de 3,01%, segundo pesquisa da e-Marketer.

O aumento na taxa de conversão implica em crescimento de vendas sem que seja necessário aumentar o fluxo de visitantes. Ele também é um excelente diagnóstico da sua eficiência operacional.

Porém, a maior parte dos lojistas não sabe direito como usar essa métrica para otimizar seus negócios. Saber o caminho que os visitantes percorrem em seu e-commerce até realizarem a compra ajuda você a se orientar para tomar as decisões mais assertivas para seu negócio. Conheça, a seguir, mudanças na rotina que podem fazer revolucionar sua conversão de vendas!

metricas

 

Taxa de conversão, origem de tráfego, valor do clique, número de leads necessários para gerar uma conversão, retorno sobre o investimento (ROI) e tantas outras informações que você necessita para otimizar a conversão da sua loja estão disponíveis gratuitamente, basta aprender como aplicá-las. Todas as métricas são importantes para entender o que deve ser otimizado para aumentar as taxas de conversão de vendas.

crn

Toda loja virtual devia ter a ferramenta chamada CRM: Customer Relationship Management, ou Gestão de Relacionamento com o Cliente. Essa ferramenta registra todo o histórico de interação entre o cliente a empresa, para que o administrador possa transformar esses dados em relacionamentos melhores com os seus clientes. Trata-se, basicamente, de um cadastro com dados sobre os clientes. Procure agrupar todos os dados em uma única plataforma, de modo a poder acessá-los rapidamente. Quanto melhor o CRM, mais informação sobre o seu cliente ele reúne e melhores os resultados que podem gerar para a sua loja.

confianca

O nível de segurança de sua loja virtual é muito importante para conquistar o cliente. Invista em certificados SLL, criptografia de dados e políticas de privacidade, e deixe isso à vista para tranquilizar o cliente na hora de realizar a compra. É muito barato e oferece um ótimo retorno!

landing

As chamadas Landing pages, ou “páginas de aterrissagem”, são a porta de entrada do cliente na sua loja virtual. Elas devem ter um objetivo claro: conduzir o cliente ao longo do fluxo de navegação, de modo a direcioná-lo para a página do produto e, em seguida, para a página do carrinho, e assim por diante, até que a venda seja finalizada.

oucaclientes

Preste atenção no que seus consumidores falam sobre você na internet. Você pode descobrir muitas coisas que podem ser melhoradas com eles. Para isso, pode realizar enquetes, monitoramento de redes sociais ou SAC 2.0.

checkout

O formulário final deve ser o mais simples e enxuto possível, pois os usuários querem cada vez mais comodidade e agilidade. Pergunte o mínimo possível!

abandonocarrinho

Oferecer descontos, frete grátis ou melhores condições de pagamento ajudam a evitar desistências na hora de o cliente concluir a compra. Você pode criar promoções surpresas com base nos produtos que estão no carrinho.

frete

Não deixe para estimar o frete somente no checkout! Procure fazê-lo logo no carrinho de compras. Saber o custo total antes do checkout reduz a ansiedade de compra e evita desistências por parte do cliente.

Ah, e apresentação dos produtos também é super importante:
Em vez de usar textos genéricos e com muitos adjetivos, fale dos diferenciais e das características técnicas dos produtos. Combine textos e imagens na descrição de cada item, atraindo a atenção do cliente e facilitando a apreensão do conteúdo.

emailmkt

O e-mail marketing continua sendo uma das principais maneiras ferramentas de conversão de clientes! Algumas lojas geram mais de 15% do seu faturamento por meio dele. Escolha uma boa plataforma de disparo e invista em um conteúdo que atraia a atenção do usuário.

 

Leia mais
Aumentar o ticket médio

Artigo anterior

Descubra o segredo para aumentar o ticket médio da sua loja

Leia mais

Próximo artigo

Como e por que ampliar o seu negócio virtual

Deixe seu comentário