Blog da Loja Integrada

Black Friday 2020: aplicando estratégias ao e-commerce! (Parte 2)

A Black Friday 2020 está sendo aguardada ansiosamente pelos lojistas. A expectativa é de que ela impulsione o comércio eletrônico, especialmente agora, com o consumidor cada dia mais acostumado a fazer suas compras online.

Para ajudar você a se preparar, a Loja Integrada está lançando uma série de posts com dicas que contemplam todas as áreas importantes para garantir o sucesso do seu e-commerce! Confira os outros artigos da série clicando aqui.

E, no post de hoje, falaremos de três pontos que geram mais dúvidas nos lojistas: a precificação, a gestão de estoque e o pós-vendas. Acompanhe conosco!

Black Friday 2020: como precificar seus produtos sem sacrificar os lucros

A Black Friday é marcada pelas promoções e os preços baixos. No entanto, somente abaixar seus preços, sem uma estratégia de precificação, pode colocar em cheque suas margens de lucro e fazê-lo perder a oportunidade de faturar durante o evento.

Para que isso não aconteça, siga as dicas abaixo:

Planeje-se com antecedência e sabedoria: os varejistas que desejam lucrar com as batalhas de descontos precisam de uma estratégia de preços eficaz e bem pensada. Isso significa analisar todas as finanças da empresa, incluindo despesas, receitas, estoque, investimentos, métricas etc. No post Mais promoções e menos prejuízos na sua loja virtual, temos informações mais detalhadas!

Estabeleça metas: quais são suas metas de receita, vendas e lucro? Quais produtos você quer destacar? Existe um objetivo estratégico: por exemplo, baixar os preços para melhorar a sua imagem de preço ou para ganhar novos clientes? Responder a essas perguntas é essencial.

Pense em possíveis cenários: quais níveis de receita, lucro e vendas podem ser alcançados por meio da estratégia de preços? Que efeitos as altas taxas de vendas podem ter nas semanas após a Black Friday? Será que isso vai apenas gerar uma mudança na demanda? As vendas altas em um curto período de tempo podem levar à escassez de suprimentos?

Coordene atividades de marketing: separe um valor parapromover as ofertas em seus canais de mídia social, como Facebook ou Instagram, e também usando o Google Ads.

Direcione para ofertas especiais: crie uma página de destino especificamente para a Black Friday, para que seus visitantes tenham uma visão geral das ofertas. Isso não ajuda apenas com o SEO, mas também torna mais fácil para os clientes visualizarem sua empresa e seus produtos, o que pode gerar mais conversão!

Além dessas dicas, confira o nosso post Precificação para Black Friday: como fazer!

Black Friday 2020: gerenciando o estoque para garantir prazos

Além disso, considerando tudo o que aconteceu em 2020, você precisa pensar em como pode ajustar seu planejamento de inventário para dar conta da demanda na Black Friday. É provável que os compradores façam mais compras online este ano, já mais acostumados a transitar do mundo físico para o virtual. Isso deve ser considerado ao se preparar para o grande dia.

Este pode ser um bom momento para pesquisar quais itens de estoque tiveram mais sucesso do que outros, em anos anteriores, e pensar em como você ajustará as vendas de 2020 para atender às necessidades do cliente.

Planeje suas necessidades de estoque e adicione com precisão os novos itens ao seu sistema de gerenciamento de estoque. E, se ainda não o fez, comece a classificar seu inventário em categorias relevantes para o seu negócio.

Lembre-se de se comunicar com seus fornecedores sobre suas vendas estimadas — lembrando-se de levar em conta os dados de vendas anteriores e o efeito da covid-19 — e alinhe tudo em torno da demanda prevista.

Além disso, não deixe de informar com clareza os prazos de entrega aos clientes e comunicá-los caso possa haver atrasos devido à alta demanda.

Confira mais no post 4 dicas para gestão de estoque pré-Black Friday: adote já!

Black Friday 2020: o que fazer depois que passa a Black Friday?

Mesmo depois da Black Friday, seu trabalho não está terminado. Além de garantir que todos os pedidos cheguem no prazo, é preciso assegurar que os clientes estejam satisfeitos e sejam fidelizados para retornar nas próximas compras.

Lembre-se de ter uma estratégia de logística reversa preparada caso algum cliente queira devolver um produto;

Acompanhe as menções à sua loja nas redes sociais para interagir com os clientes e valorizar suas opiniões; 

Fique de olho em qualquer possível reclamação para agir imediatamente, respondendo e dando a atenção necessária.

Por último, peça aos consumidores para deixarem suas avaliações e depoimentos sobre a experiência de compra. Opiniões de clientes reais podem fazer maravilhas por suas vendas e, logo mais, o Natal está aí para trazer ainda mais consumidores à sua loja virtual!

E se precisar de qualquer outra ajuda, procure a Loja Integrada! Nossa plataforma e equipe estão focadas em fazer do seu e-commerce um sucesso antes, durante e depois da Black Friday!

Leia mais

Artigo anterior

Black Friday 2020: aplicando estratégias ao e-commerce! (Parte 1)

Parabéns, agora você pode por em prática tudo que aprendeu!

Deixe seu comentário