Confira as oportunidades da páscoa no e-commerce

Tempo de Leitura: 3 minutos

Tem mais uma data comemorativa chegando por aí e os lojistas já sabem: data comemorativa é sinônimo de oportunidade. Com uma análise apurada do seu negócio, é possível desenvolver as estratégias perfeitas para usar a Páscoa no e-commerce para alavancar as vendas.

Páscoa no e-commerce

Se eu não vendo chocolate, como aproveitar a Páscoa no e-commerce?

Essa é uma pergunta muito comum. Muitos lojistas acreditam que a data só possa ser aproveitada por aqueles que comercializam o produto mais procurado na data: chocolate. Ele é o mais procurado, mas não é o único. Há quem não goste de chocolate, quem seja alérgico a ele, quem prefira não comê-lo para não sair da dieta e quem queira ser criativo e fugir do óbvio. São vários os perfis de quem não procura chocolate na Páscoa, e você pode encontrar um nicho destes para focar. Para esclarecer a explicação, vamos a alguns exemplos:

1. Produtos com o tema da Páscoa

Seja para substituir o chocolate ou para complementar o presente, há uma demanda por produtos que tenham o tema da Páscoa. Por exemplo, pelúcias, canecas, roupas ou canetas com ovos, coelhos ou cenouras.

2. Produtos para pets

Bicho de estimação também ganha presente de Páscoa? Certo que, em muitas casas, sim! Explorar produtos com este tema — por exemplo, roupinhas, comedouros ou brinquedos — é uma ótima pedida. Além disso, o chocolate que comemos é tóxico para os cachorros. Por isso, você pode oferecer chocolates especiais para os bichinhos.

3. Produtos para crianças

Há crianças que são diabéticas ou possuem algum tipo de restrição alimentar e não podem comer chocolate. Também há familiares que sabem que a criança ganhará muito chocolate dos familiares e amigos, por isso, prefere presentear com outro produto. Focando nestes públicos, você pode oferecer brinquedos, roupas e outros artigos que não tenham nada a ver com o tema da Páscoa.

4. Produtos fitness

Tem muita gente que está fazendo dieta e se concentrando nos treinos, logo, não quer sair da linha. Para estes casos, a dica é fazer ofertas de suplementos e outros alimentos que podem ser adequados para esse público.

5. Produtos para quem possui restrições alimentares

Há quem possua restrição alimentar e não possa se deliciar com o chocolate. Para abraçar este nicho, a dica é focar em opções de receitas que atendam a essas necessidades. Por exemplo, chocolate sem lactose, com baixo teor de açúcar, alfarroba e outros.

Eu vendo chocolate. Como posso aproveitar a Páscoa no e-commerce?

Se o seu negócio já é o chocolate, as dicas para impulsionar as vendas para entrar no clima são:

1. Chocolates artesanais

Estamos vivendo um período de valorização do produto local e artesanal. Oferecer algo que tenha passado por este processo e que tenha muito carinho envolvido será um diferencial.

2. Preços e condições imperdíveis

Uma dificuldade para quem vende chocolate é competir com os gigantes. Desde o ano passado, a Lacta lançou — e a Garoto e a Nestlé não ficaram atrás — um e-commerce exclusivo para os ovos de Páscoa. Foi a forma que eles encontraram de alavancar ainda mais as vendas e aproveitar a Páscoa no e-commerce. O diferencial para o consumidor que compra os chocolates destas marcas via Internet é a comodidade e o preço mais baixo. Como na compra online não há o custo do varejista (supermercado), os preços caem consideravelmente. Para o pequeno lojista, a dica para continuar no jogo é oferecer condições, promoções ou diferenciais que justifiquem comprar dele, e não das gigantes. Por exemplo, atendimento excelente, pós-venda de qualidade, brindes e outros.

Está preparado para aproveitar a Páscoa no e-commerce? Caso você opte por fazer promoções, não esqueça de tomar alguns cuidados para oferecê-las sem ficar no prejuízo.