Blog da Loja Integrada

Como aumentar o lucro com vendas mobile no seu e-commerce

Se tem um tema que não deixa de ser debatido são as vendas mobile e a necessidade das empresas estarem presentes nesta nova forma de comercialização. Mas será que isso é realmente obrigatório? Se sim, o que é preciso para esta modalidade de venda? A resposta para estas e outras questões você encontra logo abaixo.

Vendas mobile são realmente tão importantes?

O estudo H1 2016 State of Mobile Commerce Report, da Criteo, apontou que as compras feitas via mobile cresceram 70% no Brasil em 2016 em relação ao ano anterior. Das vendas mobile, 83% ocorrem via smartphones e 17% via tablet. Além disso, no segundo trimestre de 2016, o mobile superou o desktop – 54% das transações foram feitas via smartphones ou tablets.

A tendência é que estes números só cresçam e, de fato, este é um caminho sem volta. Se cada vez mais brasileiros estão realizando suas compras via mobile, é realmente importante que as lojas virtuais estejam preparadas para este cenário.

Além disso, há uma parcela dos consumidores que pode até não efetuar a compra via mobile, mas realiza as pesquisas de produtos e marcas no mobile para finalizar a compra no desktop ou offline. Para eles, também é importante ter um ambiente compatível com dispositivos móveis.

O que é preciso para realizar vendas mobile?

Para preparar a sua loja para realizar vendas em ambientes mobile, é preciso ter um site com layout responsivo. Ou seja, um site que se adapte aos diferentes tamanhos de tela. Conforme o tamanho da tela do dispositivo, os botões, menus, fotos e outros itens do layout se adaptam.
Para isso, é importante seguir boas práticas que também são aplicadas no site para desktop. Tais como:

Para aprimorar e otimizar a experiência do usuário, simplificar o caminho que ele percorre para efetuar uma compra e, consequentemente, aumentar as chances de conversão.

Usar selos de certificado digital, por exemplo, para que o usuário tenha confiança de realizar a compra naquele site.

Além disso, é essencial adotar práticas adaptadas ao mobile. Por exemplo:

  • Aprimorar o tempo de carregamento da página

Sabemos que uma boa prática de SEO é reduzir, ao máximo, o tempo que uma página leva para ser carregada. Por isso, deve-se evitar o uso de muitas imagens pesadas, vídeos de reprodução automática e outros recursos que impactem o carregamento. Uma dica é utilizar imagens de qualidade, porém com a resolução adequada para a web: geralmente 72 PPI.

  • Pensar na responsividade das ações de marketing

E-mail marketing e os posts de blog, por exemplo, precisam estar prontos para serem lidos no ambiente mobile também.

  • Adaptar a comunicação

Para os clientes que precisarem sanar dúvidas durante as compras realizadas no mobile, é importante oferecer um sistema de chat também responsivo para entrarem em contato com a loja, ou outros recursos facilmente localizados e acessíveis, como formulário de contato ou link para o endereço de e-mail da loja.

Aplicativos para lojas virtuais

vendas mobile no seu e-commerce

Isto já é uma realidade. Algumas empresas já possuem e outras estão desenvolvendo aplicativos para que os clientes possam realizar suas compras de forma ainda mais fácil e mais amigável no ambiente mobile.

É verdade que este cenário ainda é inicial e possui um investimento que pode não ser justificado para as vendas mobile da maioria das lojas. No entanto, já existem empresas preparadas para desenvolver tais aplicativos para as lojas que sentirem esta necessidade. Além disso, é certo que, uma vez que o aplicativo foi desenvolvido, é preciso considerar o esforço de fazer com que o cliente baixe-o. De qualquer forma, é fundamental ficar atento às novidades do mercado para analisar as alterações que podem motivar o lojista a utilizar essa estratégia.

Além do site responsivo e do aplicativo há outras formas de aplicar o chamado mobile marketing – estratégias de marketing voltadas para smartphones e tablets – e aumentar o lucro com vendas mobile. Confira mais detalhes no texto Venda mais pelo smartphone: saiba o que é mobile marketing.

Leia mais

Artigo anterior

12 dicas para trazer criatividade e inovação para o seu negócio

Leia mais

Próximo artigo

Como fazer pesquisa de palavra-chave para e-commerce

Deixe seu comentário