Blog da Loja Integrada

O que é bounce rate e como diminuir sua taxa de rejeição

Bounce rate é uma métrica tão importante que ganhou um post exclusivo. Hoje, vamos falar mais sobre o que é, como calcular e como diminuir essa taxa de rejeição. Preparado para dominar essa métrica e saber tudo sobre ela? Boa leitura!

O que é bounce rate?

Mais um termo em inglês, não é mesmo? A tradução livre de bounce rate é taxa de rejeição. Ela indica o percentual de pessoas que entraram no seu site, mas o abandonaram sem interagir com nada. Ou seja, sem assistir a um vídeo, clicar num banner ou entrar numa segunda página.

Como calcular a bounce rate?

Talvez mais importante que saber o que é bounce rate é dominar o seu cálculo. Basicamente, o cálculo é composto pela divisão do número de pessoas que abandonaram o site sem realizar nenhuma interação pelo total de pessoas que entraram no site. O resultado dessa divisão é multiplicado por 100 para termos o valor em percentual. Ou seja, (número de pessoas que abandonaram o site sem interagir/ total de pessoas que acessaram o site) * 100.

Você pode estar pensando que dá muito trabalho fazer esse cálculo. A boa notícia é que você não precisa fazê-lo. Ferramentas analíticas (como o Google Analytics e o Diário de Bordo da Loja Integrada) apresentam a bounce rate em seus dashboards. Dessa forma, você pode analisar essa métrica considerando o período de tempo que desejar. Pode, inclusive, comparar um período de tempo com outro para compreender como esta taxa se comporta em determinadas épocas e como responde às campanhas e ações realizadas.

Como a taxa de rejeição afeta seu negócio e como diminuí-la

Após compreender o que é bounce rate e como calculá-la, chega a hora de interpretá-la. Uma taxa de rejeição muito alta demonstra que algo não vai bem no seu site e, por algum motivo, as pessoas estão o acessando e o abandonando sem demonstrar nenhum interesse nem deixar nenhuma forma de contato. Isso serve de alerta para algum item que precisa ser alterado.

Listamos abaixo alguns motivos pelos quais a bounce rate pode estar elevada. Para saber com precisão qual é o motivo que está afetando o seu site, é preciso de muito estudo e pesquisa.

1. Preços dos produtos

Pode ser que eles estejam mais caros do que o consumidor pode ou pretende pagar. Dessa forma, ele acessa o site, vê preços que não são condizentes com a sua realidade e já abandona o site.

Possível solução: fazer um estudo de preços dos concorrentes e um estudo com o público-alvo. O objetivo é verificar qual preço seria viável cobrar na sua loja. Se não for possível baixar o preço, pode ser interessante pensar numa estratégia de aumentar o valor e/ou os benefícios entregues pela marca, expressando o seu diferencial para justificar um preço maior.

2. Navegabilidade

Pode ser que a navegabilidade do seu site esteja ruim e as pessoas não achem fácil encontrar o que precisam dentro dele.

Possível solução: neste caso, o ideal é fazer um estudo de navegabilidade. Trata-se de uma pesquisa em que se assiste a potenciais clientes navegando pelo site, e é possível ainda fazer perguntas a eles para descobrir os que o agrada no layout, onde eles clicariam e muito mais. As respostas lhe ajudarão a decidir o que precisa ser alterado no site. Há empresas especializadas nisso, mas você pode fazer uma pesquisa informal com conhecidos também.

3. Fotos pouco atraentes

A foto é a alma do e-commerce. Elas são responsáveis por chamar a atenção do cliente. Se elas não forem de qualidade, relevantes e atraentes, a taxa de rejeição pode se elevar.

Possível solução: confira todas as dicas no Guia para tirar fotos.

4. Tráfego não qualificado

Pode ser que você realize uma campanha de Google AdWords para trazer mais tráfego para o seu e-commerce. Analisando o resultado da campanha, você verifica que a campanha trouxe, de fato, mais pessoas para o site. Por outro lado, um olhar mais apurado lhe mostra que a taxa de rejeição também aumentou após a campanha. Isso deve lhe levar a refletir se a campanha trouxe um tráfego não qualificado, ou seja, pessoas que não se encaixam no seu público-alvo.

Possível solução: nesse cenário, uma mudança na segmentação da campanha ou na escolha de palavras-chave pode ser a solução.

Como pudemos perceber, saber o que é bounce rate é muito importante para a saúde do e-commerce. Aprofunde-se no tema de métricas com o texto 5 métricas do e-commerce para ficar de olho.

Leia mais

Artigo anterior

Saiba a importância do Ebit para loja virtual

Leia mais

Próximo artigo

Identificando hábitos do cliente: onde vive, o que come, o que faz?

Deixe seu comentário