Blog da Loja Integrada

SEO ou anúncios pagos? Descubra a diferença e saiba quando utilizá-los

No ambiente digital, nos deparamos essencialmente com dois principais modelos projetados para atrair tráfego à página de seu ecommerce: o tráfego orgânico e o tráfego pago. Mas afinal, qual a diferença e como identificar qual estratégia é a ideal para cada momento em seu negócio?

Hoje vamos falar sobre as principais características destas estratégias e ajudá-lo a identificar quando trabalhar com SEO ou anúncios pagos. Afinal, por mais que elas tenham o mesmo objetivo de trazer visitantes à sua página, seus processos são realmente distintos.

O que é e como funciona o SEO?

O SEO (Search Engine Optimization, ou otimização para os mecanismos de busca) trata de um conjunto de práticas e ações que almejam melhorar o ranqueamento de suas páginas e seções para que sejam posicionadas em um local vantajoso nas páginas de resultados dos buscadores (SERPs – Search Engine Result Page).

Quando um consumidor faz uma pesquisa por um tipo de produto específico, ou por um conteúdo educativo no Google ou em qualquer outro buscado, a sequência de resultados exibida é determinada de acordo com o nível de otimização de cada página. Diversos aspectos são considerados, como:

  • Velocidade de carregamento da página (o que também envolve tamanho das imagens, etc);
  • Compatibilidade com os dispositivos móveis (smartphones, tablets, etc);
  • Otimização da URL da página;
  • Boa utilização das palavras chave;
  • Tamanho do conteúdo e distribuição de links internos e externos;

Entre diversos outros fatores. O objetivo, como já mencionado, é aumentar as chances dos  clientes encontrarem sua loja online, sua página de produto ou artigo no blog, ao invés dos resultados de seus concorrentes.

Principais benefícios do SEO

Todo o tráfego gerado a partir deste tipo de resultado – quando um visitante clica em sua página após uma pesquisa nos buscadores – é o que chamamos de tráfego orgânico e certamente esta estratégia também apresenta seus próprios benefícios.

Um dos maiores benefícios de atrair clientes de forma orgânica está no ROI (Return on Investment, ou retorno sobre investimento) desta estratégia. É verdade que produzir conteúdo para seu blog, criar vídeos para publicar nas redes sociais e otimizar cada página para garantir melhores resultados requer trabalho, entretanto, seu custo é significativamente menor se comparado aos anúncios pagos, principalmente porque o conteúdo publicado é permanente, ele continuará trazendo resultados meses ou até mesmo anos depois de sua criação.

Além disso, o próprio marketing de conteúdo, comumente empregado dentro do escopo de Inbound Marketing, apresenta seus próprios benefícios, ele serve para ajudar o mercado e ajuda seus clientes a entenderem melhor as soluções ou propostas, assim como identificar que possuem um problema que pode ser corrigido por seus produtos.

O que são os anúncios pagos?

Você certamente já deve ter notado que ao realizar pesquisas no Google, alguns dos primeiros resultados possuem uma tag de “anúncio”, o que indica que na verdade, o ecommerce anunciante pagou para que a plataforma posicione aquele resultado no topo da SERP, para o Google, isso pode ser feito através de sua própria ferramenta, o Google Ads.

O Google também conta com sua própria rede de display, que visa exibir seus anúncios em todas as páginas que ofereçam espaço para banners neste modelo.

Além dos anúncios para buscadores, diversas outras plataformas contam com suas próprias soluções para anunciantes, como é o caso do Facebook Ads, propagandas no YouTube, assim como demais soluções para cada rede social.

Normalmente, nas melhores ferramentas, estes anúncios são altamente personalizáveis e podem ser diretamente direcionados à um público segmentado, levando em consideração características como os interesses do próprio consumidor (a partir de páginas recentemente acessadas), ou nas redes sociais, considerando até mesmo o gênero, faixa etária e outros dados.

Principais benefícios dos anúncios pagos

Além da possibilidade de segmentar e direcionar os anúncios para um público específico, como já mencionado, o segundo maior benefício desta estratégia é a velocidade do retorno. Afinal, as ações de SEO e estratégias de tráfego orgânico podem demorar para gerar resultados.

Já os anúncios pagos tendem a trazer retorno rapidamente, posicionando suas ofertas, assim como sua marca em locais de alta visibilidade para sua persona.

Devemos mencionar também que as melhores plataformas de anúncios contam com diferentes modelos e planos de cobrança. Inclusive, o Google, por exemplo, oferece modelos onde você só paga pelos resultados gerados dentro das categorias de CPA (Custo por Aquisição), CPC (Custo por Clique) ou CPM (Custo por Mil Impressões). Você pode conferir os detalhes e quando escolher cada modelo neste conteúdo.

Quando utilizar cada estratégia?

Agora vamos à pergunta principal: afinal, qual é melhor entre o SEO e os anúncios pagos, entre o tráfego orgânico e o tráfico pago? Na verdade, não existe uma resposta definitiva para esta questão, tudo depende de suas próprias estratégias e objetivos, assim como em qual momento seu ecommerce se encontra. Considere as seguintes premissas para identificar quando utilizar cada estratégia:

Tráfego orgânico

Uma estratégia de Inbound Marketing visando atrair tráfego orgânico é ideal quando você precisa manter um bom fluxo de visitantes, mas não existe nenhuma imediaticidade em fazer isso, ou seja, você quer manter um bom ritmo e não está planejando dar um boost imediato nos resultados.

Vale reforçar que, independente de escolher trabalhar o marketing de conteúdo ou mesmo investir em ações de Outbound Marketing, você ainda precisa investir no SEO. Afinal, exclusivamente no Google, mais de 5,6 milhões de pesquisas são processadas todos os meses e, no cenário nacional, o consumidor brasileiro faz, em média, de 3 a 4 pesquisas diariamente.

Portanto, alavancar sua produção de conteúdo pode não ser a melhor opção, mas investir em SEO é necessário se você deseja que sua persona encontre a empresa através das pesquisas nos buscadores.

Tráfego pago

Os anúncios pagos podem ser considerados a melhor opção quando você precisa impulsionar o número de visitantes em sua página no menor intervalo de tempo possível. Como mencionamos anteriormente, esta estratégia gera resultados mais rapidamente, se comparado ao tráfego orgânico.

Por isso, considere gerar anúncios especialmente em datas comemorativas que façam sentido para seu nicho de negócio, como Black Friday, dia do consumidor, natal, dia dos namorados, mães, pais, entre outros feriados nacionais ou mesmo internacionais que trazem maiores chances de proporcionar uma boa margem de lucro sobre o investimento nos ads.

Entretanto, independente da plataforma ou modelo de anúncio que pretende utilizar, certifique-se de trabalhar com uma base segmentada, levando em consideração exatamente quem você deseja atingir e qual perfil de cliente terá mais chances de conversão a partir de cada anúncio. Para isso, considere realizar testes A/B e identificar exatamente qual modelo gera os melhores resultados.

Esteja pronto para captar os visitantes

Atrair visitantes para sua página não garante que você conseguirá convertê-los e, portanto, você também deve investir em ferramentas que alavancam seus resultados e aumentam as chances de retenção dos clientes, para evitar uma alta bounce rate, ou seja, visitantes que chegam à sua página e saem imediatamente.

Para isso, considere disponibilizar um chat online com convites proativos em suas Landing Pages, assim como em todas as seções de seu ecommerce, especialmente na página de produto, como é o caso do JivoChat. Afinal, dúvidas são muito comuns durante a jornada do cliente e você deve estar pronto para abordar todos os visitantes e colocar-se à disposição, de forma que possam conversar com sua equipe em tempo real e desfrutar de uma experiência personalizada.

Parceiro:
JivoChat - um aplicativo para conversar com seus visitantes através de chat online
https://www.jivochat.com.br/
Leia mais

Artigo anterior

6 dicas práticas para impulsionar as vendas no seu ecommerce usando as mídias sociais

Leia mais

Próximo artigo

[Infográfico] Saiba o melhor processo de precificação para sua loja

Deixe seu comentário