🔥 Comece a vender online. Planos anuais com 20% OFF!
Aproveitar!
ecommerce de nicho

O que é ecommerce de nicho e como escolher o seu?

O ecommerce de nicho é uma ótima opção para aplicar como modelo de negócio da sua loja virtual. Entenda mais sobre o assunto aqui

De acordo com Chris Anderson, jornalista e autor do livro “A Cauda Longa”, as lojas virtuais especializadas, ou seja, ecommerce de nicho, são mais rentáveis do que as generalistas. Ou seja, loja virtual que foca em um nicho tem mais chances de ter sucesso. Isso acontece porque, ao ter um público segmentado, é possível solucionar as necessidades específicas desse grupo de pessoas.

A pandemia da covid-19 mudou os hábitos de consumo das pessoas, fazendo com que o ecommerce evoluísse e ganhasse mais força. A previsão é de que esse mercado continue crescendo, mesmo depois que as coisas voltem ao “normal”.

Sabendo de tudo isso, muitos daqueles que decidem entrar no ramo, acabam se esbarrando em uma grande questão: qual ecommerce de nicho escolher para ter sucesso?

Continue lendo para conferir nossas informações e dicas sobre o assunto.

ALCANCE O PRÓXIMO NÍVEL COM A LI: CONTEÚDOS ESSENCIAIS E EXCLUSIVOS PARA SEU ECOMMERCE!

Receba dicas valiosas da Loja Integrada diretamente na sua caixa de entrada!

Aqui você vai ver:

O que é um nicho de ecommerce?

Dentro do mercado geral, existem grupos menores com interesses específicos, que correspondem aos nichos. Ou seja, é uma categoria restrita em que seus produtos se enquadram.

Existe ecommerce de nicho mais amplo e há aqueles mais específicos. Por exemplo, o nicho de moda infantil é mais amplo, enquanto o nicho de fraldas ecológicas é bem específico.

Na hora de escolher uma categoria, é preciso saber qual é o público-alvo que se beneficia com o seu produto.

Um medo muito comum é criar um ecommerce de nicho e acabar tendo poucos clientes ou fazendo poucas vendas por não atender a todos os públicos. Mas, ao “nichar” o seu público, você cria mais demanda entre pessoas que querem exatamente o que você vende. Ou seja, a chance de você fechar a venda para esse público é muito maior.

Além disso, quanto mais específico for o seu ecommerce de nicho, menor é a sua concorrência.

5 principais vantagens do ecommerce de nicho

1. Fidelidade

O seu cliente já possui um grande interesse no seu produto. Como enxerga valor no seu produto, ele tende a fazer compras recorrentes, tornando-se um cliente fiel.

2. Menor concorrência

As grandes marcas estão focadas em públicos maiores. Dessa forma, a concorrência dentro do seu ecommerce de nicho costuma ser bem menor. Assim, é mais fácil ganhar destaque no mercado.

3. Grande especialização

Como os seus esforços estarão voltados para um produto/público segmentado, é muito mais fácil se tornar especialista no ramo.

Você conhecerá bem os interesses dos seus clientes (e potenciais clientes) e poderá ter maior contato com o público-alvo, o que possibilita um melhor relacionamento.

4. Senso de exclusividade

A especialização traz mais uma vantagem: o senso de exclusividade despertado nos clientes. Comprar de um marca especialista pode ser um grande diferencial, fazendo com o que o consumidores fiquem mais satisfeitos.

5. Economia de estoque

Existem várias opções na hora de fazer a gestão de estoque. Porém, em um ecommerce de nicho, geralmente você não precisa de tantas formas de estoque, o que simplifica o gerenciamento.

Como escolher o seu ecommerce de nicho?

Identifique um mercado do seu interesse

Como uma pessoa empreendedora, escolher um nicho que desperte seu interesse genuíno costuma ser muito satisfatório — pessoal e profissionalmente.

Um nicho alinhado ao seu perfil vai motivar você a se aprofundar no assunto e investir no negócio.

E isso é fundamental para transmitir autoridade e credibilidade aos clientes. E quando você trabalha com o que gosta, isso se reflete na forma como os consumidores veem seus produtos e serviços.

Identifique o seu público-alvo e o problema a ser resolvido

Além de descobrir os interesses e comportamentos do seu público-alvo, é fundamental saber exatamente qual problema o seu produto pode resolver.

Para isso, faça uma pesquisa com o seu público-alvo, crie buyer personas e tenha sempre abertura a feedback dos seus consumidores. Eles te ajudarão a melhorar o atendimento e a entrega do seu negócio.

Encontre um nicho com bom desempenho no mercado

Não basta entender sobre o nicho escolhido. É preciso pesquisar e se atualizar sobre o mercado em que ele está inserido.

Analise o movimento, desempenho, lacunas e demandas do setor. Estude a sua concorrência e sempre acompanhe os dados e as tendências.

Ecommerce de nicho em 2022

E falando em tendências…

De acordo com um artigo do Sebrae, 2020 e 2021 foram anos favoráveis para abrir o próprio negócio. Inclusive, só no primeiro semestre de 2021, surgiram cerca de 2,1 milhões de novos negócios, um crescimento de 35% em comparação com o mesmo período de 2020.

E tudo indica que isso tende a se prolongar para 2022. Mas para escolher o seu nicho, é preciso analisar as altas dos anos anteriores e estudar o mercado.

Conheça alguns setores que valem a pena conferir e podem ser apostas interessantes para 2022:

Setor alimentício

Esse setor costuma estar sempre em alta e existem inúmeras formas de explorá-lo. De acordo com o levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (ABIA), o setor das vendas de Food Service (restaurantes, bares, lanchonetes, padarias, serviços de catering, vending machines, redes de fast food e outros) sofreu uma queda em 2020 devido à pandemia.

Porém, com as inúmeras reinvenções e demandas: delivery, aplicativos, procura por culinárias “nichadas” (vegana, saudável, fit etc.), este setor já está voltando a crescer. Um release recente da ABIA estima uma faturamento para 2021 com crescimento de 23,9% em relação ao ano passado e recuperação total em 2022.

Artesanato

Apesar de ser uma das atividades mais antigas, é considerada uma das que está mais em alta atualmente. No Brasil, o setor envolvendo artesanato, atividades manuais e economia criativa está aquecido e tem movimentado R$50 bilhões por ano, de acordo com artigo da Veja Notícias.

Assim como o setor alimentício, esta categoria se reinventou nos últimos tempos e parece estar prosperando.

Produtos eletrônicos

Com o afastamento social, home office e educação online, os produtos eletrônicos ganharam ainda mais espaço.

De acordo com artigo publicado pela TechTudo, houve um aumento de 17% nas vendas de computadores no varejo no primeiro trimestre de 2021, mesmo com a alta dos preços.

Produtos/serviços para pets

Mesmo com as mudanças no cenário mundial, o mercado relacionado a produtos para animais de estimação continua crescendo. De acordo com a pesquisa Radar Pet 2021 da Comac (Comissão Animais de Companhia), 31% dos respondentes adquiriram pelo menos um cão durante a pandemia e 50% adquiriram pelo menos um gato.

Além disso, 74% dos entrevistados fizeram mais compras online em 2020, sendo que 90% acreditam que o hábito será mantido.

Gostou das dicas? Então que tal criar a sua loja virtual e abrir o seu ecommerce de nicho agora mesmo?