🔥 Conheça a Loja Integrada e comece a vender online hoje mesmo!
Ver Planos
administrar ecommerce e emprego fixo

Como administrar uma loja virtual e ter um emprego ao mesmo tempo?

Veja algumas dicas sobre como ter um emprego e mesmo assim conseguir administrar uma loja virtual no seu tempo livre.

Para as pessoas que estão pensando em abrir um ecommerce e ainda continuar no seu emprego atual, saiba que esse é um sonho extremamente possível. Isso porque, administrar uma loja virtual não é um bicho de sete cabeças como muita gente pensa, ao passo que, para fazer dar certo, basta um pouco de organização e comprometimento.

Dessa forma, nesse texto, mostraremos quais passos precisam ser seguidos para que você consiga abrir o seu ecommerce e administrá-lo sem dificuldades, mesmo já tendo um emprego fixo.

Escolha o nicho que mais tenha a ver com você

ALCANCE O PRÓXIMO NÍVEL COM A LI: CONTEÚDOS ESSENCIAIS E EXCLUSIVOS PARA SEU ECOMMERCE!

Receba dicas valiosas da Loja Integrada diretamente na sua caixa de entrada!

Primeiramente, antes de pensar em administrar uma loja virtual, é preciso saber exatamente em qual nicho você pretende atuar. Isso porque, o nível de esforço pode variar dependendo da área escolhida.

Nesse sentido, caso você queira atuar no setor de moda e vestuário, saiba que será necessário ir atrás de fornecedores com bastante frequência, escolher as peças que serão comercializadas, disponibilidade de tamanhos e etc. Por outro lado, se a sua intenção for comercializar produtos feitos em casa de forma artesanal, provavelmente, o tempo necessário para a realização dessas tarefas será menor.

criar loja virtual

Em suma, ao escolher qual tipo de loja virtual você quer abrir, fica mais fácil definir todas as suas obrigações, bem como os objetivos a serem alcançados dentro de um determinado período de tempo.

Para administrar uma loja virtual, é preciso ter foco evitar a procrastinação

A princípio, administrar uma loja virtual não é difícil. Entretanto, assim como qualquer outro empreendimento, para fazer dar certo, é necessário que o empreendedor se envolva de corpo e alma no projeto, deixando a procrastinação de lado.

Dito isso, vamos imaginar o seguinte cenário: suponhamos que você trabalhe de segunda a sexta, até às 18h. Logo, ao chegar em casa, a sua primeira opção de lazer será assistir um filme na Netflix, ou até mesmo jogar algumas partidas do seu jogo preferido, correto?

Em suma, o roteiro citado representa o dia a dia de milhares de pessoas e, de certo, não há problema nenhum nisso. Porém, quando o assunto é administrar uma loja virtual, não existe outro caminho que não seja se dedicar 100% sempre que possível.

Dessa forma, sempre que voltar do trabalho, busque por aspectos que possam ser melhorados no seu ecommerce. Talvez você consiga encontrar na internet fornecedores com preços mais acessíveis, ou quem sabe você queira alterar a descrição dos seus produtos no site.

Em síntese, embora o lazer seja parte importante do processo, procure realizar tarefas que realmente irão te trazer algum tipo de retorno para seu ecommerce.

Automatize o máximo de tarefas possíveis

Agora que você entendeu que para administrar uma loja virtual é preciso focar em trazer melhorias para o seu negócio a todo momento, não procrastinar, além de conhecer bem o seu ramo de atuação, vamos falar sobre automatização de processos.

De antemão, entenda que muitas tarefas poderão ser automatizadas na sua plataforma de ecommerce, o que por sua vez fará com que você otimize tempo e consiga direcionar seus esforços para outros pontos da sua loja que precisam de atenção.

Assim, selecionamos algumas atividades que valem a pena ser automatizadas e que certamente irão te ajudar a escalar o seu negócio rapidamente.

Disparo de emails

Frequentemente, ao vender um produto ou realizar a captação de novos clientes, muitas lojas virtuais optam por estratégias de e-mail marketing para fazer essa comunicação.

Entretanto, nada disso seria possível sem que essa parte do processo não fosse automatizada, vez que seria muito difícil enviar um email de cada vez para cada cliente ou futuro prospectado. Desse modo, invista em softwares que poderão te auxiliar durante o disparo desses emails.

Esteja nas redes sociais

Para obter sucesso ao administrar uma loja virtual, primeiramente, é preciso entender como funciona a dinâmica por trás das redes sociais. Atualmente, milhões de pessoas mundo afora utilizam essas mídias para se comunicarem entre si, além de ficarem por dentro de todas as novidades lançadas pelas empresas.

Desse modo, levando em consideração que o seu emprego fixo não permitirá que você passe o dia inteiro analisando o desempenho da sua loja dentro de plataformas como Instagram, Facebook, Twitter e afins, nada melhor do que investir em um sistema que automatize sua presença por lá.

Analise os dados do seu negócio

Atualmente, o mercado oferece diversas plataformas de vendas para os lojistas que não apenas permitem a automatização de tarefas, mas que também fornecem dados referentes ao comportamento do seu cliente ao entrar no seu site, como por exemplo o número de pessoas que colocam o produto no carrinho mas não realizam a compra e o tempo de permanência na página.

Em síntese, esses dados são importantíssimos para o aprimoramento do seu negócio, ajudando inclusive a saber se você está atuando em um dos melhores mercados para a venda online.

Terceirize a entrega dos seus produtos

Ao administrar uma loja virtual, uma das principais preocupações dos lojistas, fica por conta da logística que envolve a entrega dos seus produtos.

Considerando que você não poderá cuidar do seu ecommerce em período integral, talvez seja uma boa opção intermediar a entrega das suas mercadorias, uma vez que não haverá tempo hábil para se deslocar até os correios todos os dias.

A boa notícia é que existem diversas empresas no mercado, capazes de prestar esse tipo de serviço. Em outras palavras, você pode delegar a entrega dos seus produtos aos seus fornecedores, por exemplo. Nesse caso, parte das vendas seria repassado para essas empresas como forma de pagamento.

Além disso, existe a possibilidade do fechamento de contrato com o próprio Correios. Aqui, a empresa ficaria responsável não apenas pelo envio dos produtos, mas, também, pela retirada dele na sua casa ou armazém. Entretanto, vale ressaltar, essa modalidade costuma ser vantajosa para as lojas virtuais com alto volume de vendas.

Seja transparente e separe um lugar calmo para trabalhar

No decorrer desse texto, você aprendeu diversas dicas que certamente te ajudarão a administrar uma loja virtual. Agora, para o nosso último tópico, vamos falar sobre a importância de ser transparente com os seus clientes e de separar um lugar calmo para exercer as suas funções.

A princípio, é preciso levar em consideração que você não poderá trabalhar no seu ecommerce o tempo todo. Ou seja, quando você tem só algumas horas para se dedicar à loja virtual, é simplesmente impraticável promover um tipo de atendimento full time para os clientes. Logo, a melhor pedida é deixar claro que as respostas virão, mas podem levar algum tempo, evitando assim qualquer tipo de dor de cabeça.

Por fim, é importante reservar um espaço da casa para o seu escritório. Para conferir os relatórios de compra, a abertura de e-mails e os acessos, criando um planejamento de vendas a partir desses dados, você tem que ter foco. Em suma, administrar uma loja virtual em um ambiente agitado e turbulento, pode não ser uma tarefa das mais fáceis.

Gostou das dicas? Aproveite para ler também o artigo Como encontrar profissionais para criar minha loja virtual?