🔥 Comece a vender online. Planos anuais com 20% OFF!
Aproveitar!
como montar loja virtual

O que você precisa para criar sua loja virtual agora?

Se você está pensando em criar sua loja virtual o quanto antes, precisa entender o que é necessário para iniciar esse tipo de negócio online. Saiba mais!

Sabia que criar sua loja virtual não precisar ser um bicho de sete cabeças? Além disso, existem várias vantagens presentes na criação de um ecommerce — algumas, inclusive, que superam as lojas físicas, como:

  • Facilidade administrativa;
  • Alcance mais amplo;
  • Baixo custo inicial.

Mas são necessários alguns elementos para posicionar bem sua empresa no mundo digital. Pensando nisso, preparamos um conteúdo pra lá de especial para te ajudar a criar sua loja virtual o quanto antes. Você vai aprender sobre a importância da identidade visual, CNPJ, redes sociais, gestão de estoque no ecommerce e muito mais. Confira!

ALCANCE O PRÓXIMO NÍVEL COM A LI: CONTEÚDOS ESSENCIAIS E EXCLUSIVOS PARA SEU ECOMMERCE!

Receba dicas valiosas da Loja Integrada diretamente na sua caixa de entrada!

Aqui você vai ver:

8 itens necessários para criar sua loja virtual

1. Nome da loja

Embora pareça óbvio, sua loja tem que ter um nome para ser aberta. Porém, no digital, não se trata de simplesmente escolher um nome do seu agrado. Ele precisa ser interessante, diferente das outras lojas virtuais concorrentes e deve se destacar — já viu o tanto de informação que tem na internet?

Por exemplo, processos como o registro de domínio, essencial na criação de sites, exige que o nome do usuário seja único para confirmar o cadastro. Isso também vai ser importante para abrir o CNPJ. Além disso, vale a pena conferir a disponibilidade nas redes sociais, já que elas são parte essencial do negócio virtual. Portanto, nada de cópias, viu? Seja original.

2. Identidade visual

Escolher uma paleta de cores, fontes, logo e outros elementos para representar o seu ecommerce visualmente é, com certeza, uma das principais partes do processo. Isso vai transmitir autenticidade, profissionalidade e confiança para seus visitantes. Além de expressar informações sobre o seu negócio.

Você pode contratar designers e especialistas para criar sua logo e a identidade visual da sua loja virtual. Caso isso ainda não seja possível, você pode utilizar ferramentas como o Canva, uma ferramenta online com versão gratuita, para criar esses elementos. A Loja Integrada ainda conta com a Loja de Temas e Serviços com várias opções para lojistas.

3. Listagem de produtos e categorias

Em seguida, a montagem da sua loja acontece na organização das “prateleiras”. Classifique cada um dos seus produtos em categorias e subcategorias, para que seu público ache o que deseja de forma intuitiva — e ainda tenha vontade de explorar mais. O caminho para a compra precisa ser simples e objetivo, caso contrário, o cliente pode desistir e procurar a concorrência.

4. Descrição dos produtos

Também é importante caprichar na descrição de cada produto. Use detalhes, especificações, uma história envolvente, opiniões e depoimentos. O objetivo das descrições é tornar o produto ainda mais atrativo, motivando os visitantes da sua loja virtual a fazerem a compra e tirarem o máximo de dúvidas de forma rápida e autônoma.

5. Gestão de estoque no ecommerce

Existem vários tipos de estoque, como: compartilhado, único, terceirizado… Por isso, você precisa definir qual combina melhor com seu perfil e seu momento. O uso de ferramentas e recursos de automação também ajuda a evitar erros e controlar melhor seus produtos. Isso ajuda — e muito — a sua estratégia de negócio:

  • Evita disponibilizar produtos para a venda que estão em falta no estoque;
  • Orienta a quantidade e momento de compra ou fabricação de produtos;
  • Permite direcionar promoções para o que está mais parado no estoque.

6. Plataforma

A plataforma de ecommerce é onde tudo acontece na sua loja virtual. É a sua vitrine e o ambiente em que os consumidores vão ver seus produtos, fazer pagamentos e tudo mais.

Além disso, é onde você, lojista, vai fazer o cadastro dos seus produtos, configurar as etapas de compra, analisar resultados, fazer o atendimento ao cliente etc. Portanto, deve ser robusta, com vários recursos, confiável, fácil de utilizar, expansível, ter um bom custo-benefício e contar com um bom suporte.

7. CPF ou CNPJ?

Uma das dúvidas mais comuns de quem pretende ter uma loja virtual é se há necessidade de abrir um CNPJ.

Bom, não existem restrições para iniciar sua loja apenas com seu CPF, no entanto, o mais recomendado é se tornar uma pessoa jurídica o quanto antes. Afinal, isso transmite profissionalismo e confiança aos seus visitantes.

Além disso, você possui várias vantagens quando abre seu CNPJ, como emitir nota fiscal, obter condições especiais de empréstimo, negociar com mais fornecedores etc.

💡 Temos um post dedicado ao assunto: É necessário ter um CNPJ para abrir uma loja virtual?

8. Redes sociais e estratégia de marketing

Após definir a estrutura da sua loja virtual, é hora de divulgá-la. Afinal, as pessoas precisam conhecê-la, né? Atualmente, uma das melhores formas de apresentar sua loja é por meio das redes sociais.

Você pode usar o perfil na rede social para gerar engajamento e interesse pelo seu negócio mesmo antes do lançamento oficial da loja, com promoções e informações atraentes. Depois, pode criar conteúdos relevantes para aumentar a visibilidade e autoridade da marca, e até vender seus produtos diretamente nas redes.

Além disso, invista na sua estratégia de marketing com anúncios, conteúdos, e-mail marketing, SEO etc.

Passo a passo para criar sua loja virtual na Loja Integrada

Lembra que comentamos sobre a importância de escolher uma plataforma para criar sua loja virtual?

Pois é, nós da Loja Integrada, podemos te ajudar nessa etapa, que é o fundamento para sua abertura e crescimento — e tudo pode ser feito de forma rápida, fácil e prática. Veja abaixo o passo a passo para criar seu negócio online na LI:

1. Informações iniciais

Acessando o site da Loja Integrada no seu navegador, você vai encontrar um pequeno formulário no lado direito da tela para iniciar o processo de cadastro na plataforma. Como esse passo não esconde muitos segredos, apenas informações mais básicas serão exigidas para que possa concluí-lo.

2. Dados sobre sua loja

Na sequência, a LI vai solicitar dados pessoais e também da loja virtual que será criada, incluindo: nome da loja, endereço pessoal, segmento de mercado, pessoa física ou jurídica.

3. Cadastro dos produtos

Terminado o preenchimento dos dados principais, a próxima etapa do cadastro na Loja Integrada será cadastrar seus produtos na plataforma. Aqui, você pode organizá-los em categorias, colocar descrições personalizadas de cada um e fotos de qualidade. Tudo para torná-los mais atrativos para o público.

4. Envio

Em seguida, você vai precisar definir a forma de envio de sua preferência. Perceba na imagem abaixo que, na nossa plataforma, há várias opções de envio para você escolher. Elas vão desde os Correios, uma das mais tradicionais, até transportadoras de todo o país. Dessa forma, você precisa analisar qual será mais vantajosa no momento para sua loja virtual.

💡 Dica: dá uma olhadinha no post Guia completo sobre formas de envio pra lojas virtuais.

5. Meio de pagamento

Para encerrar o processo de cadastro na nossa plataforma, será necessário decidir quais serão os meios de pagamento que seus clientes poderão escolher para efetuar as compras. Assim como no envio, temos um leque variado de alternativas para você optar pela mais apropriada para sua loja.

Conclusão

Como vimos, o caminho para você criar sua loja virtual do zero não é tão difícil de se trilhar como muitos acham. Pelo contrário, você não precisa de muito para iniciar. Ainda mais quando você tem a ajuda de plataformas como a Loja Integrada.

Afinal, são mais de 2 milhões de pessoas que confiaram na LI para criar sua loja virtual e fazê-la crescer junto com a gente, porque facilitamos sua entrada no mundo digital.

Detalhe: ao término do cadastro no nosso site, você poderá aproveitar itens como identidade visual, gestão de estoque e redes sociais, além de integração com diversos serviços e aplicativos.

Certo, mas eu já tenho uma loja física… Será que vale a pena criar um ecommerce? Corre aqui e confere nosso post Por que integrar loja virtual e física é tão importante?